sexta-feira, 22 de setembro de 2006

Alterego Binário

Juntando os zeros-e-uns do Otávio com os zeros-e-uns da Dalvinha e consultando a tabelinha de códigos e caracteres, apresento-lhes o ASCII Art da blogueira que lhes escreve:


Ok, ok, eu confesso: não fiz sozinha... Humpf!
Na verdade, quem fez foi o
ASCII-O-Matic, que eu descobri aqui.
Ainda não me decidi, mas acho que gostei.

5 comentários:

Sérgio disse...

É...depois sou eu que faço exposição da figura !! :P
bj

Naeno disse...

Comento o teu rosto confuso, difuso, pontilhado, nem um retrato falado é. Mas pelo riso, o que dá para ser distinguido. Te mando um beijo e uma poesia.
Melhor que sabonete de erva doce.

IRMÃS

Elas andam sempre perto,
irmãs dos mesmos dilemas,
a saudade, a incerteza,
convivem de forma amena.
Uma é causa a outra efeito,
mas têm o mesmo sobrenome,
e armam, tramam jeitos,
que, se de amor, se consome.
O peito, o coração contido,
sempre foram, delas, infelicitação.
o coração pulsante, o peito acalanto,
e elas atingem, sem sentido.
Irmãs por destino e pretensão,
uma insistente, lembra a falta,
a outra provoca pranto, volver,
e atacam sem surpresa, peito e coração.

Um beijo
Naeno
visista o meu blogger.

Jôka P. disse...

Muito legal !
ADOREI !!!!
:D
bjs!

Nix disse...

Que bom que tu gostaste.
Abraços

Dalva Maria disse...

Se é mistura de zero-e-uns não me interresa mas que é a coisa mais linda do mundo, (tamanha beleza só partilhada com a irmã) isso é, até pontilhada, nem a máquina consegue sconder tamanha beleza. Beijos da mãe coruja.